top of page
  • Foto do escritorCarolina Thans

O que é a impulsividade?

Atualizado: 2 de ago. de 2020

A impulsividade é toda ação que não é planejada, reações rápidas diante de alguma situação, em que não é avaliado de forma total as consequências imediatas ou a longo prazo, visando a satisfação imediata.


Segundo estudos, a impulsividade está presente em vários transtornos, e não pode ser classificada como algo universal, pois existem vários tipos de impulsividade e de comportamentos impulsos, que variam de intensidade para cada indivíduo.


O impulso pode ser dividido em perda de controle sobre apetites e desejos, e perda de controle sobre agressões e comportamentos destrutivos. É um desequilíbrio entre forças inibitórias, como um freio e o acelerador por exemplo.


Podem ser falhas em diferentes funções como o freio, causando instabilidade de afetos (medos, ansiedades, tristezas, como no caso do Transtorno Borderline), falha no freio cognitivo, com uma instabilidade na cognição como nas funções executivas como atenção, memória e planejamento (presente no Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade) e uma instabilidade empática, no qual a pessoa não reconhece ou não dá importância para regras morais, sociais e sentimentos dos outros.


Ou pode ser um excesso de propulsão, o acelerador mais potente, podendo se manifestar com agressividade, impulsos destrutivos, como quando a pessoa tem uma reação agressiva muito maior do que o acontecido, gerando discussões ou agressões físicas, como no caso do Transtorno Explosivo Intermitente (TEI), mas também pode se manifestar com desejos/prazeres intensos, como as dependências químicas e comportamentais como a dependência tecnológica e de vídeo games. A pessoa não consegue controlar esse impulso de ficar usando, não consegue parar apesar de ter tido consequenciais negativas.


Alguns transtornos que tem a impulsividade mais presente, são a Dependência de Internet, o jogo patológico, amor e ciúmes excessivo, tricotilomania (vontade de arrancar cabelo), transtorno de escoriação, autolesão, cleptomania (furto), transtorno explosivo intermitente, impulso sexual e dependência de comida.

impulsividade

19 visualizações0 comentário

Comentários


bottom of page