top of page
  • Foto do escritorCarolina Thans

Como o prazer do uso da tecnologia funciona no nosso cérebro?

Atualizado: 2 de ago. de 2020

O uso das tecnologias já vem sendo estudada a alguns anos, e muitas pesquisam mostram que o prazer que ela nos causa, pode ser parecido com o das substancias químicas, podendo gerar uma dependência comportamental, ou seja, ficamos dependentes de um comportamento que nos dá prazer.


Mas como o prazer age no nosso cérebro?


No nosso cérebro existe o sistema de recompensa, que é o lugar responsável por sinalizar que alguma coisa boa está acontecendo. Quando o indivíduo come, bebe, usa droga, esse sistema é ativado. O que os estudos vêm mostrando, é que isso também ocorre quando usamos a tecnologia, seja navegando na internet, conversando por mensagem, usando as redes sociais, e jogando vídeo game.


Dentro do sistema de recompensa, existe uma parte que chama núcleo accumbens, responsável pelo nosso prazer. Quando fazemos ou ingerimos algo que gostamos, o neurotransmissor chamado Dopamina sinaliza para o núcleo accumbens que uma coisa boa está vindo, fazendo com que ele aumente sua frequência. Para ocorrer a dependência é necessário um aumento na atividade dopaminérgica nesse núcleo.


Segundo estudos, apenas com 8 minutos de vídeo game, o cérebro já libera a dopamina, causando todo esse processo. E como tudo que é gostoso, nossa tendência é sempre querer repetir.


No início, os 8 minutos podem ser suficientes, porém com o passar do tempo, nosso cérebro acostuma com esse prazer, exigindo cada vez mais, ou seja, a pessoa precisa jogar por mais tempo para atingir o mesmo nível de prazer que antes. E conforme esse aumento de consumo vai acontecendo e em conjunto com outros fatores, a dependência pode aparecer.



Vou deixar uma dica de dois vídeos do canal @minutospsiquicos onde explicam de uma forma bem legal sobre isso.



37 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page